Previsão do Tempo

Poucas Nuvens

24°

11°

05:06

Domingo - 21/10

ENTRETENIMENTO
Ex-sogro revela que atriz falsificou DNA para enganar seu filho

09/08/2018

 Após a revelação de que Letícia Almeida teve um bebê com o então concunhado, Jonathan Couto, o ex-sogro da atriz, Márcio Matos, abriu o jogo sobre um novo capítulo da história que parece saída de uma novela. A jovem teria falsificado o resultado do teste de DNA para mostrar ao então parceiro, Saulo Pôncio, que Maria Madhalena era, de fato, filha do rapaz.

Tudo começou quando o companheiro, depois de receber mensagens nas redes sociais dizendo que a morena havia tido outros relacionamentos mesmo já estando com ele, pediu para que a moça fizesse o exame de paternidade da herdeira.

“Ele ficou incomodado. Conversou com ela e disse que queria um teste de DNA. A Letícia topou numa boa”, relatou Matos, que também é pastor, ao jornal “Extra”.

E continuou: “Letícia recebeu o resultado no próprio e-mail. E ela sabia que tinha dado negativo. Mas, não sei como, forjou e apresentou um exame que dava positivo para a paternidade dele”.

ENTENDA O CASO

© Fornecido por Eleven Press Comunicações

Saulo Pôncio até assistiu ao parto de Maria Madhalena, a quem acreditava ser sua filha

Entretanto, Simone, a mãe do namorado, sugeriu ir ao laboratório com o herdeiro buscar uma cópia do resultado. “Sabe como é instinto de mãe, né? A minha mulher disse que ele deveria ter a cópia dele, pois era parte envolvida. E, quando abriram, tiveram a surpresa. Tinha dado negativo.”

Apesar de tudo, Saulo optou por continuar criando a criança. “Nada mudou. Disse a ele: ‘Pai é quem cria’. Já havia amor e apego àquela criança”, ressaltou o veterano.

A artista também teria confessado que teve relações sexuais com o marido da cunhada, Sarah Pôncio, na casa em que ele vive com a esposa – que dormia no quarto ao lado. “Letícia ficou lá com o Jonathan e aconteceu de eles terem uma relação”, afirmou o religioso. A mulher do moço, vale lembrar, o perdoou pela ‘pulada de cerca’.

Mudança de paternidade

Agora, a atriz move um processo na Justiça para que a paternidade de Saulo, o ex-namorado, seja excluída da certidão de nascimento de Maria Madhalena. Depois disso, o nome do concunhado será incluído no registro da garotinha. “Nossos advogados estão cuidando disso para que tudo corra em sigilo. Afinal, envolve uma menor de idade”, destacou o pastor.

Terceiro parceiro envolvido na história

Pablo Morais, ator da TV Globo, também fez o teste de DNA para saber se a criança era sua. O rapaz foi, ao lado de Saulo e Jonathan, o terceiro a se submeter ao exame. A dupla rompeu pouco tempo antes de a moça retomar o namoro com Pôncio e anunciar a gestação.

Fonte: MSN




Guaranotícias


Rua Afonso Alves de Camargo, 1775 - Alto da XV - (42) 3035-8000 - Guarapuava - PR
Grupo Mattos Leão de Comunicação
© 2013 Todos os direitos reservados Criado e Desenvolvido por: